{Seulement Vous} Epilogo


Quanto que tudo aquilo teria começado? Foi no momento em que o viu no auditório da escola, sentou-se uma fileira atrás dele. Com a diferença de três bancos para a direita, foi possível observá-lo. Não teria prestado atenção em si se não fosse pelo aroma que sentiu, um cheiro doce como chocolate. Quando o fitava intensamente não se deu conta do quanto tempo teria se passado naquela palestra. A diretora insistia em fazer a recepção aos novos estudantes do ensino médio, e iria ouvir aquelas palavras pela segunda vez, por ter repetido de ano.


Não havia mudado a posição, mantinha-se de braços cruzados e o olhar fixo naquele ômega. Apenas percebera que está ali sem se mover, quando aquele garoto se interessou por algo que a diretora falava. O alfa teve de se ajeitar na cadeira, olhou para os lados averiguando que ninguém teria visto seu momento de apreciação. Tentou se focar novamente nas palavras da diretora, mas no final das contas era para o ômega que queria olhar.

Quando a palestra acabou e finalmente foi liberado, o alfa apenas esperou que todos saíssem. Não estava com vontade de ficar naquele lugar, não tinha interesse nas aulas em que os professores iriam apresentar a matéria e o processo de avaliação. Mesmo que seus companheiros lhe chamassem para sair, não estava com vontade de agir como um rebelde briguento. Apenas queria paz. E ao andar pelo correr ficou satisfeito em encontrar o que seria seu novo ponto de paz.

O cheiro foi o primeiro sinal, ver que estavam sozinhos no corredor era uma sorte daquelas. Andar calmamente e fingir não notá-lo deveria ser uma arte. Mas não aguentara, o garoto ômega tinha um cheiro delicioso, sentia vontade de abraçá-lo e esconder seu rosto naquele pescoço alvo. Queria sentir mais daquele cheiro em sua volta. Enquanto caminhava, teria percebido o olhar do garoto novo. Seus olhos pareciam brilhar em surpresa, o que teria visto afinal?  Ele conseguia sentir seu cheiro ficar mais intenso, estava nervoso aquele garoto.

No final das contas, lhe sussurrou algo que apenas fez seu coração disparar sem igual. Então foi assim que tudo tinha começado.

Sorrindo enquanto olhava para o céu, o alfa sentia a gélida neve sobre sua palma nua. Quantos anos teriam se passado desde que se apaixonou por um garoto de aroma doce? Talvez dez anos, mais ou menos. Voltou a caminhar com as sacolas em suas mãos, afinal de contas o que teria ido buscar? Ah era algo que Jun Myeon precisava.

Os passos calmos e lentos seguiam sobre a calçada branca, coberta pela neve. Os dedos se encolhiam no bolso quente, enquanto se esquentavam com o pequeno calor que conseguiam. Estava muito frio! Enquanto caminhava, observava em sua volta. Cheio de árvores que acompanhavam a estrada, teria ido ao comércio perto de Mayfield comprar algumas coisas para a cozinha e também outras coisas. Preferia ter ido caminhar já que a neve não estava caindo com tanto rigor, e a calmaria lhe deixava descansar a mente.

Mais uma vez teriam se reunido na casa dos Park, próximo ao campo de lavanda. Era feriado, não sabia do que, apenas que teria tirado folga do restaurante. Tão em breve, via a casa de madeira ficar próxima á cada passo que dava. Apenas pensando no que deveria fazer para o jantar, não percebia que teria atravessado a porta da frente e retirava os sapatos de forma automática.

Hanna que assistia televisão debaixo das cobertas, se levantou para ajudar o alfa a carregar as sacolas para a cozinha. Yi Xing olhou em volta procurando pelos demais, e encontrou Min Seok com os gêmeos em seu colo dormindo. Sorria sutilmente pela cena e acenou para o ômega quando o mesmo lhe olhara e sorrira. Em seguida desviou o olhar para a bancada onde haveria uma foto de Jong Dae. O motivo da foto estar ali, era por ser o lugar preferido do sigma de se pendurar. Tinha o hábito de apoiar os braços sobre o mármore e deixava aguentar seu peso, enquanto balançava as pernas esperando que Min Seok lhe desse comida na boca.

Sorrindo para a foto, apenas suspirou e ajudou á sobrinha guardar as compras. Assim que tudo estivesse guardado, subiu as escadas silenciosamente, retirou de seu casaco em sentir que o aquecimento da casa, estava dando conta de manter aquecida minimamente. Deixou-a pendurado em seu ombro quando passou pela segunda sala do segundo andar, lá Chanyeol assistia filme, enquanto em seu braço direito o pequeno bebê dormia, e no ombro esquerdo do alfa, Baekhyun dormia apoiado.

- Burrinho de apoio?

- Pra variar.

- Não se esqueça de cortar a lenha comigo depois, está muito frio para as crianças.

- Como quiser, líder.

Chanyeol abria um sorriso ladino, não teria deixado suas formalidades com Yi Xing, eles ainda eram um time Zagan. Apenas dizia aquela frase, para manter em memória os bons tempos em que eram Zagan. O alfa ria balando a cabeça em negação, teria perdido sua liderança no momento em que deixou claro seus sentimentos por Jun Myeon, todos seus companheiros deveriam ter achado que perdeu a cabeça por um ômega nerd. Se fosse realmente aquilo, então foi a melhor coisa que teria feito.

Seguindo pelos corredores, o alfa entrava no quarto onde acostumou-se a ficar sempre que iam naquela casa. Abrindo a porta lentamente, conseguia ver o ômega deitado de lado e de costas para a porta. O som que a madeira fez, ao ter a porta fechada, fez com que Jun Myeon olhasse por cima do ombro. Quando percebera que era seu marido quem tinha entrado, um grande sorriso tomou seus lábios. Yi Xing apenas parou e observou aquele homem na cama, o sorriso... era o mesmo sorriso que dera em todas as primeiras vezes que tivera consigo. Primeiro beijo, primeira transa, primeiro encontro, a mordida, primeira declaração, a primeira vez que olharam o apartamento em que morariam juntos.

O sorriso sincero, de uma pessoa sincera, com pensamentos e sentimentos sinceros. Ah me apaixonei por seu sorriso... De novo”.

Jun Myeon apenas esticou as mãos para o alfa, que as segurou suavemente e as selou carinhosamente. Deixando a sacola de lado, se ajoelhou sobre a cama, podendo selar a bochecha rosada do marido, em seguida selar-lhe os lábios demoradamente.  Ajeitou-se atrás do ômega, envolvendo seus braços em sua cintura, selou-lhe novamente os lábios, deixando os dedos se entrelaçarem.

- Demorou um pouco dessa vez.

- Acabei me perdendo nas lembranças.

- Quais?

Os dedos se acariciavam, os dois olhavam para as cobertas que estavam diante de Jun Myeon. Yi Xing precisou se lembrar de deveria responder á pergunta do marido, estava fácil de perder sua concentração naquele dia. Deveria ser a idade que lhe fazia repensar nas coisas que passou e vivenciou. Nas dores e alegrias,nas perdas e nos ganhos.

- Da primeira vez em que o vi, sentado no auditório prestando atenção nas baboseiras que aquela diretora dizia.

- Xing não eram baboseiras.

- Para mim eram. – O alfa soltara uma risada alta, recebendo um pequeno tapa em seu braço.

- Sh..Jong está dormindo.

- Ah desculpa.

Olhando sobre o ombro do marido, Yi Xing observava o pequeno bebê recém-nascido envolvido em cobertas. As bochechas rosadas e as mãos escondidas nas luvas brancas destacavam a beleza daquele pequeno garoto ômega. Teria recebido o nome do irmão de Yi Xing, e Min Seok era padrinho e um tio dengoso. A gestação mais difícil que teria visto, Baekhyun até tentava ajudar o melhor amigo, mas nada conseguia já que estava para ganhar um bebê também.

Min Seok teria tido a ajuda de Dylan e doutor Oh para criar vitaminas e demais remédio que fortalecessem o corpo de Jun Myeon. O alfa recordava-se de quando teriam chego do velório de seu irmão, mesmo que sem vontade de fazer nada e tentar consolar seus pais que teriam vindo á Inglaterra para o enterro, ele se pôs a ler o conteúdo do envelope que o marido teria entregue mais cedo. Jun Myeon tinha esterilidade, mas havia a possibilidade de uma gestação. Havia uma proposta de tratamento que o ômega cerrou os dentes para conseguir engravidar. Fora um sucesso, apesar da dor e sofrimento.


O pequeno Jong Dae¹ nascera prematuro, no mesmo dia em que o irmão de Yi Xing teria nascido.
❖❖
Fim
------------------x--------------------------x--------------------------x------------------------------x
¹ Jong Dae - Filhote de SuLay - http://data.whicdn.com/images/187894972/large.jpg

Nenhum comentário:

Postar um comentário